ÚLTIMO DIA DA 12ª CINEBH TEM ANÚNCIO DE VENCEDORES DO BRASIL CINEMUNDI E PRÉ-ESTREIA NACIONAL DO FILME “BENZINHO”

ÚLTIMO DIA DA 12ª CINEBH TEM ANÚNCIO DE VENCEDORES DO BRASIL CINEMUNDI E PRÉ-ESTREIA NACIONAL DO FILME “BENZINHO”

No domingo, 02 de setembro, último dia da 12ª CineBH – Mostra Internacional de Cinema de Belo Horizonte, o público poderá conferir apresentações artísticas e exibição de filmes em quatro espaços – MIS Cine Santa Tereza, Cine Sesc Palladium, Cine Humberto Mauro e Cine Sesc na Praça. A programação intensa e gratuita promove o diálogo da CineBH com a cidade, do cinema com as outras artes e conta com atividades para todas as idades.

Na noite de domingo, serão anunciados e premiados os projetos vencedores do 9º Brasil CineMundi – 9th International Coproduction Meeting. Mas a programação já começa pela manhã, com atrações para toda a família. Confira abaixo todas as atividades programadas para este domingo.

EM SANTA TEREZA

O dia inicia de forma animada e dançante, com a apresentação musical da Orquestra Atípica de Lhamas, a partir das 11 horas, no Cine Sesc na Praça (Praça Duque de Caxias), em Santa Tereza. A orquestra combina percussões características dos blocos carnavalescos com baixo, guitarras e charango, apresentando ritmos latinos diversos, como reggaeton, ragga, lambada, guaracha e quarteto.

No mesmo espaço acontece, às 15 horas, o espetáculo Quarteto Fantástico, com o Grupo Circo do Sufoco. Quatro artistas realizam um fabuloso show que reúne teatro de rua + intervenção circense, no qual a magia, o malabarismo, o equilibrismo e as acrobacias são as grandes atrações.

 No MIS Cine Santa Tereza, a Mostrinha exibe, a partir das 16h30,Sobre Rodas”, um road movie com foco no público infantojuvenil. O filme ganhou o Prêmio da Audiência de Melhor Longa-Metragem no TIFF Kids 2017 (Canadá) e o Prêmio do Júri de Melhor Longa em Live-Action no 34° Festival Internacional de Filmes Infantis de Chicago (EUA). A sessão contará com a presença do Palhaço Sufoco e de personagens da Turma do Pipoca.

 No mesmo local, a partir das 19h30, serão anunciados os vencedores do 9º Brasil CineMundi – 9th International Coproduction Meeting. Este ano, foram 20 selecionados, organizados em três categorias (CineMundi, DocBrasil Meeting, Foco Minas), representando sete estados brasileiros: Minas Gerais (8), São Paulo (4), Rio de Janeiro (3), Bahia (2), Espírito Santo (1), Goiás (1) e Pernambuco.

Os projetos concorrem a vários prêmios. O Melhor Projeto CineMundi eleito pelo júri leva o Troféu Horizonte, materiais e serviços oferecidos pelas empresas parceiras,  vaga para o produtor do projeto participar do evento parceiro Ventana Sur, na Argentina, e Prêmio Itamaraty, com oferta de passagem aérea internacional.

O Prêmio TorinoFilmLab, eleito pelo representante do evento parceiro (Categoria CineMundi), oferece vaga para participar do TorinoFilmLab, na Itália, e Prêmio Itamaraty, com oferta de passagem aérea internacional. Já o Prêmio Festival de Cinema de Malaga, eleito pelo representante do evento parceiro, oferece vaga para participar do MAFF – Malaga Fund e Evento de Coprodução, na Espanha.

No DocBrasil Meeting (escolhido pelo representante do DocMontevideo), o vencedor garante participação na próxima edição do DocMontevideo, no Uruguai, materiais e serviços oferecidos pelas empresas parceiras.

Na Foco Minas, o melhor projeto garante participação na próxima edição do DocSP (escolhido por um representante do evento parceiro), em São Paulo, e premiação em materiais e serviços oferecidos pelas empresas parceiras (escolhido por um convidado internacional).

Após a cerimônia de premiação, será exibido o premiado “Benzinho”, de Gustavo Pizzi, cujo projeto integrou o Brasil CineMundi em 2013.

EXIBIÇÃO DE FILMES

Mas o domingo traz outras opções para os cinéfilos. No Cine Humberto Mauro (Palácio das Artes), a programação começa às 16h30, com a exibição de médias e curtas na Mostra Pontes Latino-Americanas. A sessão traz títulos dos anos 1960 e 1970 que representaram paradigmas de radicalidade estética (como vanguarda e transgressão) e postura política participativa (nacional e continentalmente) da resistência à ordem política nacional ou estrangeira.

Entram em cartaz “Cómo, Por Qué y Para Qué se Asesina a un General” (Cuba, 1971); “Revolución” (Bolívia, 1963); “Me Matan si no Trabajo y si Trabajo me Matan” (Argentina, 1974); “Me Gustan los Estudiantes” (Uruguai, 1968) e “Isla del Tesoro” (Cuba, 1969). Às 18h, será a vez do português “Tempo Comum” e, às 19h30, do chileno “La Telenovela Errante”, ambos em pré-estreia nacional.

No Cine Sesc Palladium, a atração será a última sessão da Mostra A Cidade em Movimento, às 18h, com a temática Quilombos Urbanos. Os filmes serão “Segunda Preta - 2ª Temporada” e “Eles Sempre Falam Por Nós”. Na sequência, representantes participarão de uma roda de conversa, com a presença da atriz, arte-educadora, produtora e ativista política Carlandréia Ribeiro (MG) e mediação da curadora Paula Kimo.

No mesmo horário, o Cine Sesc na Praça (Praça Duque de Caxias) traz o filme “Corra Que a Polícia Vem Aí!”.  O longa, que completa 30 anos, encerra a programação da Mostra Clássicos na Praça.

TODA PROGRAMAÇÃO É OFERECIDA GRATUITAMENTE AO PÚBLICO.