INSCRIÇÕES ABERTAS E GRATUITAS PARA O PROGRAMA DE FORMAÇÃO AUDIOVISUAL DA 12ª MOSTRA CINEBH E 9º BRASIL CINEMUNDI

Interessados podem se inscrever para participar de oficinas, masterclass, laboratório, debates e painéis com oferta de 280 vagas; inscrições podem ser feitas gratuitamente pelo site www.cinebh.com.br até 16 de agosto

Entre 28 de agosto e 2 de setembro, a capital mineira recebe a 12ª CineBH - Mostra Internacional de Cinema de Belo Horizonte e o 9º Brasil CineMundi – Encontro Internacional de Coprodução. Além da exibição de filmes e outras atrações culturais, o evento realiza o Programa de Formação Audiovisual – iniciativa de capacitação e formação para profissionais do setor e interessados em geral. O objetivo é fornecer ferramentas conceituais e práticas para capacitação de profissionais, troca de experiências entre diferentes agentes do setor e, ao mesmo tempo, promover encontros, diálogos, discussões e estabelecer redes de contato e conexões globais com foco no mercado audiovisual. E ainda estimular a troca de conhecimentos e apresentar as tendências para o fortalecimento da atuação dos profissionais da área.

Nesta edição, o programa reúne 30 profissionais brasileiros e estrangeiros de destaque na cena audiovisual no centro de cinco debates, quatro painéis, uma masterclass e três oficinas e um laboratório. Eles apresentarão para o público suas experiências, interfaces e atuações com foco no mercado audiovisual e as relações com o setor, destacando as vivências em coprodução na América Latina e na Europa, fundos de investimentos, estratégias de distribuição e lançamento de filmes, painéis representativos de várias instituições e programas internacionais com foco no investimento e atuações de intercâmbio e cooperação, objetivando apresentar as oportunidades de negócios e parcerias.

O Programa de Formação Audiovisual é composto pelos eixos: Debates e Experiências em Coprodução Internacional – troca de conhecimentos e experiências destacando tendências do setor audiovisual no âmbito da criação, produção, consumo, distribuição, financiamento e novos modelos de negócios; Diálogos Audiovisuais – encontros internacionais com profissionais do setor, representantes de entidades, festivais, eventos de mercado, fundos de investimento e ações para o fortalecimento, a profissionalização e desenvolvimento do setor audiovisual; Oficinas, Labs e Masterclass – voltadas para profissionais novos e experientes e o público em geral para a qualificação, o intercâmbio e capacitação entre agentes de diferentes segmentos do setor audiovisual

DEBATES E DIÁLOGOS AUDIOVISUAIS

A programação da 12ª CineBH vai realizar cinco debates. Catalina Vergara, da produtora chilena Globo Rojo Films; a produtora argentina Constanza Sanz Palacios; e o coordenador de Projetos e Conteúdo do Canal Brasil, Henry Galsky, vão falar de suas experiências, das oportunidades de coprodução em seus países, dos desafios, resultados e avanços em coprodução internacional no debate Experiências em Coprodução Internacional na América Latina. A discussão será mediada pelo produtor Ivan Melo (SP).

No debate Experiências em Coprodução Internacional na França, produtores franceses vão apresentar para o público caminhos, diretrizes, dificuldades, progressos e perspectivas em coprodução internacional. Participam da discussão Justin Pechberty, produtor da Les Valseurs ; Laurence Reymond, da produtora Providences Films; e Nathalie Trafford, da produtora Paraíso Production. O debate terá mediação de Séverine Roinssard, da produtora Parati Films, coordenadora do La Fabrique des Cinémas du Monde e colaboradora Brasil CineMundi.

O público poderá conhecer mais sobre produções, mercado e redes no debate Experiências em Coprodução Internacional na Europa, que contará com a participação da consultora independente Annabelle Aramburu (Espanha)  e da produtora italiana Rasanna Seregni. A discussão será mediada por Gudula Meinzolt (Suíça), da produtora Autentika Films, diretora da Indústria Visions du Réel e colaboradora Brasil CineMundi.

No debate O Mercado e a Formação em Documentário, especialistas e diretores de programas e eventos promoverão uma reflexão sobre as questões de mercado, formação e alcance que o documentário apresenta na atualidade. Integram a mesa para a discussão Luis González Zaffaroni (Uruguai), diretor do DocMontevideo/DocSP, Maria Bonsanti (França), diretora do Eurodoc ; e Pierre-Alexis Chevit (França), diretor do Doc Corner Project, Marché du Film, Cannes Festival. A mediação será de Gudula Meinzolt (Suíça).

As melhores estratégias de mercado, networking, escolhas de coprodução e seleções de festivais de cinema serão discutidas no debate Estratégias de Distribuição e Promoção de Filmes. Fernanda Rennó (Noruega), distribuidora e produtora da Fidalgo Films; Jacques Pelissier (França), distribuidor da Juste Doc; e Talita Arruda (Brasil), curadora da Vitrine Filmes, irão compartilhar informações com o público, com a mediação do curador da CineBH e colaborador do Brasil CineMundi Pedro Butcher (RJ).

A 12ª CineBH e o 9º Brasil CineMundi irão promover também os Diálogos Audiovisuais com convidados internacionais da Espanha, Itália, Estados Unidos e Noruega. No painel Ibermedia | Espanha, Elena Vilardell, secretária técnica e executiva do programa Ibermedia, e Víctor Sánchez, coordenador técnico, realizarão uma apresentação sobre a iniciativa e falarão sobre a formulação de projetos, bases de aplicação e o impacto no Brasil. O painel será mediado por Paulo de Carvalho, colaborador do Brasil CineMundi, curador de festivais e produtor da Autentika Films, residente na Alemanha.

No painel TorinoFilmLab | Itália, os participantes irão conhecer mais sobre esse laboratório internacional que apoia talentos emergentes de todo o mundo a partir de atividades de treinamento, desenvolvimento, financiamento e distribuição. Fundado em 2008, o TorinoFilmLab oferece uma série de programas destinados a roteiristas, diretores e produtores desenvolvendo um longa ou um projeto de séries de TV, bem como profissionais de audiovisual dispostos a ganhar experiência prática em Edição de História e Design de Audiência. Estará na mesa para a apresentação o italiano Philippe Barrière, tutor no TorinoFilmLab Extended, com mediação de Gudula Meinzolt (Suiça).

O painel Filme Internacional no Sundance |EUA destacará as oportunidades para os cineastas internacionais no Sundance Film Festival and Institute. Também abordará como os programadores de festivais trabalham para acompanhar projetos e conhecer cineastas de todo o mundo e as melhores maneiras de se conectar com a equipe de programação. A convidada deste painel será Heidi Zwicker (EUA), programadora do Sundance Film Festival, mediada por Séverine Roinssard (França).

Já o painel Sørfond – Supporting Films from Latin America, Asia, Africa and the Middle East | Noruega apresentará Sørfond - The Norwegian South Film Fund ao público, passando por projetos apoiados, atividades, processo de seleção e diretrizes. A forte qualidade artística e a identidade cultural local são as principais prioridades do Sørfond - The Norwegian South Film Fund, fundo de produção cinematográfica que apoia projetos de países da lista DAC visando fortalecer a produção cinematográfica nesses países e aumentar a colaboração internacional da indústria cinematográfica norueguesa. Participa do painel Mads Wølner Voss (Noruega), coordenador de programação do Films from the South Festival / SØRFOND. A atividade terá mediação de Gudula Meinzolt (Suíça).

MASTERCLASS, OFICINAS E LAB

A produtora e diretora argentina Laura Citarella, da El Pampero Cine, empresa homenageada da 12a Mostra CineBH, irá ministrar uma masterclass internacional com o tema Modos de Produzir, no dia 29 de agosto. Este encontro propõe uma reflexão sobre as maneiras de produzir e como essas incidem diretamente no resultado das imagens, a partir de alguns exemplos da história do cinema e dos filmes da produtora. A masterclass terá como foco pensar as maneiras com as quais se pode fazer cinema na atualidade, a partir de os problemas de produção e suas possíveis soluções estéticas. O encontro será mediado pelo curador da CineBH Francis Vogner dos Reis (SP).

A gestora e empreendedora cultural Bruna Kassab (MG) irá ministrar a oficina Potencializando a Captação de Recursos com Leis de Incentivo + Crowdfunding, no dia 30 de agosto. A atividade visa desbravar as leis de incentivo, apresentar novas formas de financiamento para o audiovisual e indicar estratégias de sustentabilidade. A oficina tem carga horária de 4horas e oferecerá 30 vagas para interessados acima de 18 anos.

A diretora de arte Vera Hamburger (SP) irá ministrar o laboratório Introdução à Direção de Arte Cinematográfica, de 30 de agosto a 01 de setembro. A atividade irá introduzir os participantes no universo da composição física/visual de filmes de ficção, aprofundando aspectos essenciais à compreensão do papel e abrangência da direção de arte e ao desenvolvimento de projetos em cada uma das áreas envolvidas em sua concepção e realização. O lab tem carga horária de 12 horas e conta com 35 vagas para participantes acima de 18 anos.

A oficina Análise de Estilos Cinematográficos será ministrada por Victor Guimarães (MG), de 31 de agosto a 02 de setembro e tem carga horária de 12h. Serão oferecidas 30 vagas para participantes de 18 a 25 anos. O objetivo da atividade é desenvolver análise crítica e estética de filmes brasileiros contemporâneos e selecionar cinco jovens universitários para integrar o Júri Jovem da 22ª Mostra de Cinema de Tiradentes (janeiro/2019), que irá eleger o melhor longa da Mostra Olhos Livres.

A produtora Mariana Brasil (SP) irá ministrar a oficina Planejamento de Produção para Séries de TV, nos dias 01 e 02 de setembro. A atividade tem carga horária de 12h e oferecerá 30 vagas, para interessados a partir de 18 anos. A oficina irá apresentar de forma prática um “pensamento de produção” para séries de TV, a partir de um roteiro, projeto, argumento. Os participantes irão aprender como iniciar o planejamento de produção de um projeto, como preparar orçamento e cronograma de execução e quais as diferenças entre produzir para cinema e para TV.

Profissionais do audiovisual, estudantes e interessados poderão também participar ainda das oficinas que integram a programação da 12ª CineBH e 9º Brasil CineMundi. As inscrições poderão ser feitas até 16 de agosto pelo site.