30/10 | sexta | 15h

A paralisação da Ancine e do Fundo Setorial do Audiovisual e a necessidade de distanciamento social prolongada, em função da pandemia da Covid-19, trouxeram inúmeros desafios ao setor da produção no Brasil nos últimos tempos. Por outro lado, a experiência da quarentena confirmou a necessidade das pessoas por narrativas audiovisuais e apontou para a forte demanda por produtos nacionais. Como o setor se organizou (ou não), para, ao mesmo tempo, enfrentar a as limitações impostas à produção, que paralisou suas atividades por meses e precisou adotar novos e rigorosos protocolos de segurança para retomar suas atividades, e aproveitar as oportunidades que surgiram com o aumento da demanda por produtos e, sobretudo, por produtos locais?

 

Convidados

Alexandre Cunha – diretor de programação do Canal Brasil | RJ

Guilherme Fiuza Zenha – produtor e presidente do Sindav | MG

Simone Oliveira – gestora executiva Globo Filmes | RJ

 

Mediadora: Ana Paula Sousa – jornalista | SP