15ª CINEBH REGISTRA ALCANCE DE MAIS DE 3,8 MILHÕES NAS REDES SOCIAIS DO EVENTO E MAIS DE 60 MIL ACESSOS DE 51 PAÍSES NO SITE DA PROGRAMAÇÃO

CineBH mostrou o cinema para o mundo em programação abrangente, intensa e gratuita. Formato digital possibilitou ampliar o alcance e o benefício da ação cultural.  Sessões de cinema, programa de formação, debates, rodas de conversa, reuniões de negócios, participação de coletivos e projetos sociais  marcaram a 15ª edição do evento.

20211003 – 15ª CineBH – Mostra Internacional de Cinema de Belo Horizonte – Brasil Cinemundi – 12th International Coproduction Meeting – Bastidores – Foto: Leo Lara/Universo Produção

A 15ª CineBH – Mostra Internacional de Cinema de Belo Horizonte e o 12º Brasil CineMundi – International Coproduction Meeting, o evento de mercado do cinema brasileiro, registraram alcance e resultados positivos. Em seis dias de programação intensa e gratuita, em formato digital, o mais indicado e seguro para o cenário atual de pandemia do Covid-19 no Brasil, o evento registrou alcance de mais de 3,8 milhões nas redes sociais do evento e mais de 60 mil acessos no site cinebh.com.br, vindos de 51 países.

Foram exibidos 95 filmes nacionais e internacionais em pré-estreias e mostras temáticas de 12 Estados Brasileiros (AL, BA, CE, DF, MG, MT, PE, RJ, RR, RS, SC e SP) e de 17 países (Alemanha, Argentina, Brasil, Espanha, EUA, Finlândia, França, Índia, Israel, Itália, Portugal, Reino Unido, Romênia, Rússia, Qatar, Turquia e Uruguai)  em recortes que, em maioria, dialogam com a temática central, “Cinema e Vigilância”.

Ao todo foram realizadas 32 atividades no Programa de Formação Audiovisual laboratórios de roteiro, oficinas, masterclasses e workshops internacionais, painéis. 84 profissionais e convidados estiveram no centro de 21 debates, rodas de conversa, painéis, show case que estão disponíveis no Canal do Youtube da Universo Produção o que amplia as possibilidades de acesso e benefício da ação cultural – a principal vantagem de se realizar o evento no formato online.

O 12º Brasil CineMundi promoveu 306 encontros de coprodução e contou com a participação de 51 profissionais da indústria audiovisual de 17 países para conhecer, prestar consultorias e participar de encontros com os 43 projetos de longas brasileiros selecionados para esta edição.

“Foi uma temporada audiovisual intensa com atividades para todas as idades e públicos que reafirma o nosso compromisso de realizar empreendimento audiovisual ousado e inovador neste tempo de mudanças e transformações no segmento que atuamos. A Mostra CineBH e o Brasil CineMundi representaram espaço de formação, intercâmbio com outros países, em conexão com as outras artes, em diálogo com a cidade de Belo Horizonte. Um espaço de perspectivas e possibilidades do cinema do presente e do futuro”, destaca a coordenadora geral da CineBH e diretora da Universo Produção, Raquel Hallak.

Em 2021, a CineBH foi norteada pela temática “Cinema e Vigilância” sob a curadoria dos críticos e pesquisadores Pedro Butcher, Francis Vogner dos Reis e Marcelo Miranda e gerou uma reflexão sobre o novo estatuto do controle que surge com as atuais tecnologias e que atravessa a economia, os costumes e todo nosso imaginário, influenciando cineastas e orientando interseções entre estética e política, privacidade e espetáculo, linguagem e fato.  

O destaque da 15a CineBH foi o coletivo internacional e multidisciplinar  Forencisc Architecture. Fruto de pesquisas inovadoras através do  audiovisual, o grupo, com  base na universidade Goldsmith, em Londres, faz uso subversivo dos mecanismos e imagens de vigilância atuais para investigações profundas sobre diversos assuntos de interesse mundial e humanitário. Realiza obras entre o documentário e as artes visuais e investiga e reconstitui situações de guerra, confronto e desrespeito aos direitos humanos e meio ambiente, levando em consideração contextos jurídicos, políticos e artísticos. O grupo foi fundado em 2011 e reúne integrantes de várias áreas, como cineastas, arquitetos, urbanistas e ativistas de diversos países – um dos fundadores do grupo é o arquiteto brasileiro  Paulo Tavares, que participou de debates durante a Mostra.

EVENTO GEROU EMPREGOS E MOVIMENTOU A ECONOMIA

Para a realização da 15a CineBH, em ambiente digital, a Universo Produção, responsável pela idealização e realização do evento, montou uma infraestrutura especial para dar suporte ao evento na Casa da Mostra, localizada no Bairro Serra. Foram contratadas 69 empresas que atuaram na prestação de serviço para o evento. Estima-se que foram gerados mais de 600 empregos diretos e indiretos, mostrando que a cultura é bom negócio. 43 profissionais integraram a equipe de trabalho nas etapas de pré-produção e produção.

O evento atendeu a solicitação de credenciamento de 20 veículos de imprensa, representados por 30 profissionais de comunicação que fizeram a cobertura jornalística diária da CineBH. Além disto, a equipe comunicação da Mostra alimentou o site cinebh.com.br e as redes sociais com conteúdos diários – notícias e registros de vídeos e fotografias – que estão disponibilizados para consulta e acompanhamento de tudo que aconteceu na mostra de cinema de Belo Horizonte e no evento de mercado do audiovisual brasileiro.

Mais uma vez, a CineBH se apresenta como um importante empreendimento cultural que integra a indústria do entretenimento e da economia criativa, a que mais cresce no mundo. E que se revelou ainda mais essencial neste momento em que o afastamento social é de extrema importância para garantir a saúde da população, devido a pandemia de Covid-19.

FILMES,  DEBATES E RODAS DE CONVERSA MOVIMENTARAM AS REDES E A PROGRAMAÇÃO DO EVENTO

Em 2021, ao longo de seis dias de evento, a CineBH promoveu a exibição de 95 produções(14 longas, 4 médias e 35 curtas), de 12 estados brasileiros (AL, BA, CE, ES, GO, MA, MG, PE, PR, RJ, RS e SP) e17 países (Alemanha, Argentina, Brasil, Espanha, EUA, Finlândia, França, Índia, Israel, Itália, Portugal, Reino Unido, Romênia, Rússia, Qatar, Turquia e Uruguai) .  A seleção fílmica se dividiu em nove mostras temáticas: Mostra Temática, Mostra Forensic Architecture, Contemporânea Brasileira, Contemporânea Internacional,Mostra CineMundi,  Diálogos Históricos, Mostrinha, Cine Expressão e A Cidade em Movimento.

Além de filmes, a 15ª CineBH realizou 21 debates e rodas de conversa sobre temas relevantes sobre a atual produção audiovisual brasileira e o mercado cinematográfico internacional, com a participação de 84 convidados – profissionais profissionais do audiovisual, acadêmicos, críticos de cinema, pesquisadores e especialistas.

15 ANOS DA CINEBH EM SESSÕES PRESENCIAIS E PARTICIPAÇÃO DE COLETIVOS SOCIAIS 

Para comemorar os 15 anos de história, a Mostra CineBH ampliou o diálogo e a conexão com as comunidades, coletivos e projetos sociais com a realização da ação “Quem movimenta a cidade?”. A novidade – um recorte da programação da Mostra A Cidade em Movimento – colocou em destaque protagonistas destes coletivos apresentando o resultado de seus trabalhos, pesquisas, ações e projetos que fazem a diferença na cena da cidade, de Minas Gerais e do Brasil. Uma iniciativa múltipla e diversa para compartilhar a caminhada, construir pontes de forma integrada e somar sonhos, afetos e desejos de movimentos, de interesses comuns num anseio de dias melhores.

Participaram desta edição, os coletivos Arautos do Gueto, Cia. dos Anjos, Cia. Fusion de Danças Urbanas, A|Borda Cultural, Filmes de Rua, Cine Leblon, Editora Venas Abiertas e o projeto social Trajeto Moda –Um Sonho de Autonomia, que faz parte do Programa Percursos Gerais: Trajetória para Autonomia,da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese).

Foram realizadas duas sessões presenciais: no dia 30 de setembro, no Cine Sesc Palladium, seguida de bate-papo e com a participação das mulheres integrantes do projeto Trajeto Moda –Um Sonho de Autonomia; e, no dia 02 de outubro, a sessão foi no Espaço Cultural Filme de Rua e exibiu dois curtas de dois coletivos de produção audiovisual da capital mineira – o Filme de Rua e o Cine Leblon. A sessão celebrou também a campanha a Rua Vive que visa arrecadar recursos para a manutenção e programação do espaço.

PROGRAMAÇÃO PARA TODA FAMÍLIA

A Mostra de Cinema de Belo Horizonte tem, entre seus pilares, a formação de novos públicos, a fim de estimular a presença e a paixão pela sétima arte em espectadores de todas as idades. Para formar novas audiências e inserir famílias e crianças na programação, a CineBH conta com a Mostrinha, apostando em futuros espectadores de cinema brasileiro. Foram exibidos um longa-metragem (“Miúda e o Guarda-Chuva”) e dois curtas (“Torcida Única” e “Trincheira”).

Já o Cine Expressão, programa que une as linguagens cinema e educação, voltado para estudantes e educadores da rede de ensino, selecionou para alunos a partir de 5 anos de idade, educadores e familiares, oito  filmes . As produções ficam disponíveis até 08 de outubro no site www.cinebh.com.br possibilitando que as famílias e os professores tenham mais tempo para assistir os títulos com os estudantes.

BRASIL CINEMUNDI – O EVENTO DE MERCADO DO CINEMA BRASILEIRO

Em 2021, o Brasil CineMundi – International Coprodution Meeting chega a sua 12a edição, consolidado como ambiente de mercado e plataforma de rede de contatos e negócios para o cinema brasileiro em intercâmbio com o mundo. Ao longo de mais de uma década, o Brasil CineMundi registrou resultados expressivos que favorecem a formação, o trabalho, a articulação de profissionais e a inserção do cinema brasileiro no mercado mundial.

Foram selecionados 43 projetos de longas-metragens, sendo 33 projetos na fase de desenvolvimento ou pré-produção(categorias Horizonte, Doc Brasil Meeting, Foco Minas, Paradiso Multiplica), 5 projetos na fase de produção e 5 projetos na fase de finalização para serem apresentados para uma plateia de convidados representativos da indústria audiovisual mundial–produtores, agentes de vendas, distribuidores, tutores especializados, representantes de fundos e programadores de festivais internacionaisque participam do evento para conhecer e fazer negócios com esses projetos, participar de debates, painéis, masterclasses, agenda de relacionamentos.

O 12oBrasil CineMundi contou com a participação de 51 convidados, representando a indústria audiovisual, vindos de 17 países: Alemanha, Argentina, Áustria, Brasil, Canadá, Chile, Cuba, Espanha, EUA, França, Itália, Holanda, México, Noruega, Portugal, Suíça e Uruguai. São produtores, distribuidores, curadores, agentes de venda, representantes de fundos de investimento audiovisual e representantes de festivais que estiveram em contato direto com realizadores brasileiros e seus projetos de futuros filmes. No total, foram realizadas 306 encontros de coprodução e 57 consultorias, mentorias de roteiro, painéis e show case.

Ao longo de sua trajetória, o Brasil CineMundi firmou importantes parcerias e cada edição tem fortalecido as ações construídas, promovendo novas iniciativas. Renova o Termo de Cooperação e parceria com a Embaixada da França no Brasil (França), o Instituto Goethe (Alemanha), o Projeto Paradiso (Brasil), os eventos de mercado internacionais Word Cinema Fund (Alemanha), Ventana Sur (Buenos Aires, Argentina), Maff – Málaga Festival Fund & Co-production Event (Espanha), BioBioCine (Chile), Conecta (Chile), DocMontevideo (Uruguai) e DocSP (Brasil), Nuevas Miradas(Cuba), assegurando, desta forma a participação de produtores e projetos brasileiros nessas realizações.

PROGRAMA DE FORMAÇÃO AUDIOVISUAL

O Programa de Formação Audiovisual da 15ª CineBH e do 12º Brasil CineMundi promoveu cinco oficinas e dois laboratórios de criação de roteiros, além de dois workshops e duas masterclasses internacionais no CineMundi Lab, contribuindo assim para a formação de mão de obra e capacitação de profissionais ligados ao universo audiovisual, com a certificação de 375 alunos.

Foi realizada a Oficina Análise de Estilos Cinematográficos, ministrada pelo crítico, programador e professor Victor Guimarães (MG), que selecionará cinco jovens universitários para integrar o Júri Jovem da 25ª Mostra de Cinema de Tiradentes (janeiro/2022), que elegerá o melhor longa-metragem da Mostra Olhos Livres.

O Laboratório de Roteiro de Ficção e Documentário, foi ministrado pelo roteirista Di Moretti (SP) e o Laboratório de Roteiro “Isso dá comédia?”, teve como responsável a atriz, produtora, escritora e roteirista Tatá Lopes (RJ).

As atividades, realizadas no âmbito do Cinema sem Fronteiras 2021, têm por objetivo contribuir para formação, capacitação, qualificação de profissionais – questão vital para o crescimento da indústria audiovisual no Brasil e, ao mesmo tempo, estimular a formação de novos talentos, oportunizar o encontro e o intercâmbio de ideias e conhecimento.

O EVENTO EM NÚMEROS

17 PAÍSES MARCAM PRESENÇA NO EVENTO

Alemanha, Argentina, Áustria, Brasil, Canadá, Chile, Cuba, Espanha, EUA, França, Itália, Holanda, México, Noruega, Portugal, Suíça e Uruguai

SERVIÇO

15aCINEBH – MOSTRA INTERNACIONAL DE CINEMA DE BELO HORIZONTE
 BRASIL CINEMUNDI –
12th INTERNATIONAL COPRODUCTION MEETING
28 de setembro a 03 de outubro de 2021

LEI FEDERAL DE INCENTIVO À CULTURA

ESTE EVENTO É REALIZADO COM RECURSOS DA LEI MUNICIPAL DE INCENTIVO À CULTURA DE BELO HORIZONTE

PATROCÍNIO: MATER DEI, COPASA, CEMIG | GOVERNO DE MINAS GERAIS

PATROCÍNIO MOSTRA A CIDADE EM MOVIMENTO: patrocinada com recursos do Fundo Internacional de Ajuda para Organizações de Cultura e Educação 2021 do Ministério das Relações Exteriores da República Federal da Alemanha, do Goethe-Institut e de outros parceiros: www.goethe.de/hilfsfonds

PARCERIA CULTURAL: SESC EM MINAS, INSTITUTO UNIVERSO CULTURAL, CASA DA MOSTRA

PARCEIROS BRASIL CINEMUNDI: EMBAIXADA DA FRANÇA NO BRASIL, DOT, MISTIKA, PARATI FILMS, CTAV, FORTE FILMES, NAYMOVIE

COOPERAÇÃO BRASIL CINEMUNDI: WORLD CINEMA FUND(Alemanha), NUEVAS MIRADAS – EICTV(Cuba), BIOBIOCINE(Chile), CONECTA – CHILE DOC(Chile),  MAFF(Espanha), DOCSP(Brasil), DOCMONTEVIDEO (Uruguai), VENTANA SUR(Argentina), INSTITUTO OLGA RABINOVICH / PROJETO PARADISO(Brasil)

APOIO: CAFÉ 3 CORAÇÕES.

IDEALIZAÇÃO E REALIZAÇÃO: UNIVERSO PRODUÇÃO

SECRETARIA ESPECIAL DE CULTURA | MINISTÉRIO DO TURISMO| GOVERNO FEDERAL

ASSESSORIA DE IMPRENSA 

ETC Comunicação | (31) 99742.7874 – Luciana d’Anunciação | luciana@etccomunicacao.com.br/ (31) (31) 98454.7928 – Marina Duarte | marina@etccomunicacao.com.br | (31) 99120.5295 – Jihan Kazzaz | jihan@etccomunicacao.com.br

Universo Produção | Laura Tupynambá– (31) 3282.2366| imprensa@universoproducao.com.br

Produção de Texto: Marcelo Miranda e ETC Comunicação