O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE A PERFORMANCE “MUSEU DOS MENINOS – ARQUEOLOGIAS DO FUTURO”?

No sábado, dia 31, às 21h, tem mais um experimento ao vivo na CineBH. Será a performance “Museu dos Meninos – Arqueologias do Futuro”, de Maurício Lima e Fabiano de Freitas. A montagem mostra as memórias da infância e adolescência do ator, vividas no Complexo do Alemão (RJ), cruzadas com as histórias de trinta meninos, gravados em vídeos que compõem a coleção do museu.

Na performance, que dura em média 35 minutos, Maurício utiliza da dança, música e teatro para contar a própria história e da sociedade na qual está inserido. “É um trabalho que lida com várias linguagens que sofreram uma nova configuração por conta do virtual. As pessoas podem esperar uma experiência sensorial com esse trabalho. Oportunidade de ouvir de vozes que de alguma maneira são silenciadas. Uma experiência de escuta”, conta Maurício. Ele é o ator solo da montagem e também diretor.

O texto é dele e Fabiano de Freitas. Em cena, o artista conta várias histórias por meio de uma voz que fala. “Pegamos elementos reais autobiográficos e da minha experiência com os meninos, criamos algumas fabulações e ficções em cima das histórias. Tudo foi criado na pandemia. Estava me preparando para apresentar uma performance com vídeo-instalação na Holanda, em março, daí veio a Covi-19 e tudo foi interrompido. Como estava no fluxo de criação, decidi criar a Arqueologias do Futuro”. 

O projeto contou com sessões de apresentações da performance e visitas guiadas pelo museu dos Meninos em agosto de 2020. Tudo Online. Maurício Lima, é nascido e criado no Complexo do Alemão, zona norte do Rio de Janeiro. Considera sobrevivente do projeto de extermínio da população favelada do Estado do Rio de Janeiro, que tem a polícia mais letal e violenta do país. O artista idealizou o Museu dos Meninos com o propósito de criar e preservar memórias do e para o povo preto e favelado. 

No acervo do espaço, 30 vídeos com relatos de jovens entre 15 e 29 anos que mostram histórias de paternidade, empreendedorismo, sexualidade e afins. Todos foram gravados em uma laje e mostram a comunidade como pano de fundo. 

***

ATENÇÃO:

Como o formato do evento é digital, convidamos você para seguir a Universo Produção/CineBH/Brasil CineMundi nas redes sociais para ficar por dentro de tudo o que vai acontecer nos bastidores da CineBH e Brasil CineMundi, acompanhar a evolução e notícias dos eventos e receber conteúdos exclusivos. Canais e endereços:

Acompanhe o programa Cinema Sem Fronteiras 2020

Participe da Campanha #EufaçoaMostra

Na Web: www.brasilcinemundi.com.br / www.cinebh.com.br / www.universoproducao.com.br

No Instagram: @universoproducaoNo Youtube: Universo ProduçãoNo Twitter: @universoprod

No Facebook: brasilcinemundicinebh / universoproducaoNo LinkedIn: universo-produção

Informações pelo telefone: (31) 3282-2366

***

SERVIÇO

14ª CINEBH – MOSTRA INTERNACIONAL DE CINEMA DE BELO HORIZONTE 

BRASIL CINEMUNDI – 11th INTERNATIONAL COPRODUCTION MEETING 

29 de outubro a 2 de novembro de 2020

LEI FEDERAL DE INCENTIVO À CULTURA

PATROCÍNIO: COPASA, CEMIG | GOVERNO DE MINAS GERAIS

PARCERIA CULTURAL: SESC EM MINAS, GOETHE-INSTITUT, CASA DA MOSTRA

PARCEIROS BRASIL CINEMUNDI: EMBAIXADA DA FRANÇA NO BRASIL, INSTITUTO FRANCÊS BRASIL PARA O ESTADO DE MINAS GERAIS DOT, MISTIKA, PARATI FILMS, CTAV E ATELIÊ BUCARESTE

COOPERAÇÃO BRASIL CINEMUNDI: WORLD CINEMA FUND (Alemanha), NUEVAS MIRADAS-EICTV (Cuba), BIOBIOCINE (Chile), CONECTA-CHILE DOC (Chile), MAFF (Espanha), DOCSP (Brasil), DOCMONTEVIDEO (Uruguai), VENTANA SUR (Argentina), INSTITUTO OLGA RABINOVICH/PROJETO PARADISO (Brasil)

APOIO: INSTITUTO UNIVERSO CULTURAL E CAFÉ 3 CORAÇÕES.

IDEALIZAÇÃO E REALIZAÇÃO:UNIVERSO PRODUÇÃO

SECRETARIA ESPECIAL DE CULTURA | MINISTÉRIO DO TURISMO | GOVERNO FEDERAL